Construção do Marketing Pessoal

Qual a sua filosofia de vida, tanto pessoal como profissional? Você parou para pensar como se revela ao mundo e às pessoas? No campo da comunicação institucional, todos, sem exceção, possuem características bastante específicas que indicam ou sugerem a própria forma de expressão e comunicação, seja interpessoal ou com o mundo.

Marketing pessoal é apenas um reflexo daquilo que você é (Imagem: Reprodução)Como instituição, propriamente, cada um tem seu histórico, visão, missões, valores, filosofia e políticas de conduta. Cada um tem seu “jeitão” de ser. Cabe-nos saber os mecanismos e métodos adequados para transmitir tanta informação de um modo qualitativo e, acima de tudo, sincero, primeiramente conosco, depois com os outros. Nesse sentido, comunicação relaciona-se diretamente com autenticidade.

Aporta-se, assim, às inúmeras dimensões do marketing pessoal que conecta-se com a autoimagem e a imagem institucional de cada indivíduo, a partir do processo de construção e estabelecimento de valores perante o mercado, a sociedade e nas relações sociais.

Uma comunicação eficaz mostra-se como parte fundamental ao apresentar, de modo adequado, os potenciais e as capacidades de cada um, transmitir valores, credibilidade e confiança diante do ambiente externo (trabalho, empresa, clientes, chefes, colegas, relacionamentos, amizades, família, etc).

Mas o ambiente externo funciona verdadeiramente quando há, de fato, identidade e fidelidade aos valores e princípios intrínsecos de quem almeja desenvolver a imagem institucional e as ações de marketing pessoal. Sem esta premissa básica, o processo não cria pilares reais de sustentação ao longo da vida pessoal ou profissional.

Conceitualmente, o Marketing Pessoal “depende da construção de todo processo de desenvolvimento individual, envolvendo a concepção, planejamento e execução de ações que contribuirão para: formação profissional e pessoal de alguém, a atribuição de um valor, que não necessita ser exclusivamente monetário, justo e compatível com o posicionamento de mercado que se queira adquirir, a execução de ações promocionais de valorização pessoal que o coloquem no lugar certo na hora certa, de tal maneira que as organizações ou pessoas para quem trabalhe ou exerça influência, e ele próprio, se sintam satisfeitos”

Algumas dicas são extremamente valiosas neste processo. A primeira delas, certamente, é a sinceridade consigo mesmo. Ou seja, identificar quais são os seus reais valores e promovê-los de modo autentico e assertivo. A sinceridade interna será, consequentemente, externada em outras atmosferas como o mundo dos negócios ou mesmo nas relações interpessoais.

Eis algumas dicas sugeridas pelo site “Guia do Marketing

1- Faça algo para promover a sua própria imagem, por exemplo, cuidar melhor da sua própria aparência, quem sabe aquele regime, aquela atualização do seu guarda-roupas, ou melhorar a sua dicção.

2- Faça cursos de especialização ou aperfeiçoamento. Hoje se faz necessário um bom conhecimento de inglês e de espanhol, uma atualização nos novos programas de computador e, no mínimo, conhecimentos básicos para “surfar” na Internet.

3- Aproveite as oportunidades que surgirem para mostrar o potencial que tem;quer seja de falar em público, escrever um artigo para um jornal ou uma revista, fazer uma palestra ou tomar aquela decisão de realizar algo difícil.

4- Conheça e amplie as suas próprias capacidades. Muitas pessoas deixam de fazer coisas, não por não terem capacidade, mas por reconhecerem a capacidade que possuem.

5- Realize, principalmente em atividades profissionais, aquilo que lhe dá prazer. Estará prestando um grande serviço a você mesmo e aos seus clientes por estar fazendo algo melhor, justamente porque lhe é prazeroso.

6- Imagine-se no futuro e veja você lá. Imagine-se realizado, com muito sucesso pessoal e profissional e, muito feliz. Isso o ajudará a identificar o que precisa fazer hoje para conseguir o que deseja amanhã.

7- Viva harmoniosamente com as incertezas e as surpresas. Elas fazem parte do processo da vida; não se deixe abater por dúvidas, medos ou fraquezas e quando porventura elas surgirem, evite mostrá-las para outras pessoas.

8- Procure, acima de tudo, pautar a sua vida por princípios e valores. Lembre-se que o marketing pessoal é apenas um reflexo daquilo que você é, pensa e sente.

 

Rangel

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *